NOTÍCIAS

20/11/2020
Medidas de distanciamento social e como essas mudanças afetaram cada cultura

Por: Francine Tiecher

() comentários

Aproximadamente 230 alunos de psicologia, níveis de mestrado e de graduação, de países como Argentina, Brasil, Colômbia, Espanha e EUA participaram de um Intercâmbio Virtual promovido pela Universidad Católica de Valencia San Vicente Mártir (UCV-SVM), Espanha, em parceria com o Mestrado em Psicologia da IMED.

A atividade, que ocorreu nesta quarta e quinta-feira (18 e 19/11) foi conduzida pela Prof.ª Dr.ª Carmen Moret-Tatay, docente, pesquisadora e coordenadora de relações internacionais da UCV-SVM.

Além da IMED, a aula contou com o envolvimento da Universidad del Norte (Colombia) e da Universidad de la Cuenca del Plata (Argentina), sendo que a instituição foi representada pelas professoras do Mestrado em Psicologia, Dra. Camila Oliveira, Dra. Cláudia Cenci, Dra. Júlia Gonçalves e Dra. Lara Martins.

 Durante os encontros, os alunos discutiram e compartilharam como cada país experienciou as medidas de distanciamento social e como essas mudanças afetaram cada cultura. Buscou-se identificar se em cada país houve aumento do senso de pertencimento e valorização de profissionais de saúde.

Na oportunidade, foram apresentados dados comparativos entre países acerca de sintomas emocionais e de resiliência durante a pandemia. Um dos estudos realizado na Itália demonstrou que níveis elevados de medo se associaram a maior quantidade de sintomas depressivos, de ansiedade e de estresse, enquanto maior resiliência esteve associada a níveis menos elevados desses sintomas emocionais. Já na Espanha, estudantes mais jovens apresentaram maior quantidade de sintomas depressivos e de ansiedade. Espera-se replicar a pesquisa no Brasil e realizar comparações entre os outros países.

 Ao longo do evento, os participantes também foram desafiados a formular perguntas de pesquisa voltadas a populações vulneráveis, como por exemplo, adultos idosos, crianças, pessoas em situação econômica menos favorecida e profissionais de saúde, buscando identificar soluções ativas de como promover qualidade de vida.

 “A atividade foi um momento importante para trocar experiências entre os alunos das instituições envolvidas. Conhecer diferentes realidades amplia a compreensão de mundo dos alunos, assim como contribui para a formação mais empática de futuros psicólogos e pesquisadores conscientes para o desenvolvendo de pesquisas aplicadas”, comenta Camila, Coordenadora do PPGP da IMED.

 

Mestrados IMED

Com bases na inovação, tecnologia e empreendedorismo, os Programas de Pós-Graduação Stricto Sensu da IMED abrangem seis áreas do conhecimento: Administração, Arquitetura e Urbanismo, Direito, Engenharia Civil, Odontologia e Psicologia.

As inscrições para o processo seletivo 2021/1 dos mestrados e do primeiro doutorado da instituição estão abertas, sendo que ambos cursos possuem reconhecimento da Capes (Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior). Para saber mais, CLIQUE AQUI.

Galeria de Imagens
comentários sobre esta Notícia
Fechar

Registrar Interesse

Se interessou pelo curso? Preencha os campos abaixo com seus dados e aguardo pelo nosso contato para mais informações.