NOTÍCIAS

10/04/2019
Estudo apresenta solução para contaminação por drenagem ácida nas indústrias

Por: Francine Tiecher

() comentários

Investigação desenvolvida na IMED foi publicada na Revista Internacional “Minerals Engineering”

 

A drenagem ácida de minas (DAM) na indústria de mineração de carvão é reconhecida como uma das principais fontes de contaminação ambiental. Esse fenômeno gera riscos de contaminação de fontes de água superficiais e subterrâneas, com a possível destruição do habitat aquático, tornando a recuperação dessas áreas mais cara devido à maior dificuldade de reflorestamento.

A DAM é a solução aquosa ácida gerada quando minerais sulfetados presentes em resíduos de mineração são oxidados em presença de água, e seu tratamento ativo envolve a adição de reagentes alcalinos às águas residuais, de modo a elevar o pH e precipitar metais dissolvidos na forma de óxidos/hidróxidos. Através desse tratamento é possível gerar pigmento amarelo (goethita) a partir do ferro presente na DAM, ou seja, é possível transformar um resíduo em produto e, consequentemente, causar uma revolução sustentável no planeta.

Nesse contexto, o artigo publicado na Revista Internacional “Minerals Engineering”, publicação com qualis A2 pela CAPES para a área de Engenharias I, apresenta uma solução para o tratamento da DAM. De autoria dos professores da IMED Richard Thomas Lermen e Rodrigo de Almeida Silva, juntamente com a egressa do Curso de Engenharia Civil da instituição, Marina Paula Secco em conjunto com os professores colaboradores Ivo André Homrich Schneiderb, Gelsa Edith Navarro Hidalgo e Carlos Hoffmann Sampaio, o estudo investigou a influência de vários processos de purificação do lodo de ferro gerando um pigmento amarelo de boa qualidade, o qual possui maturidade para ser comercializado.

Além disso, junto ao Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Engenharia Civil – PPGEC da IMED, estudos vem sendo realizados sobre o tema, que possibilitarão a utilização desse pigmento no desenvolvimento de argamassa colorida, ampliando as possibilidades de aplicação desse produto gerado de um resíduo. Estes estudos estão de acordo com uma das linhas de pesquisa do PPGEC, que visa a utilização de resíduos no desenvolvimento de materiais para a construção civil.

CLIQUE AQUI e confira o estudo completo.

Galeria de Imagens
comentários sobre esta Notícia
Quero me inscrever
Fechar

Registrar Interesse

Se interessou pelo curso? Preencha os campos abaixo com seus dados e aguardo pelo nosso contato para mais informações.