Comunicação

Notícias

VOLTAR
11/12/2019
Hackathon School: 20 horas de empreendedorismo

Por: Eduarda Ricci Perin

() comentários

Evento promovido pela IMED reuniu estudantes do Colégio Notre Dame, que desenvolveram soluções com os temas Mobilidade Urbana e Sustentabilidade

Alunos do 9º Ano do Ensino Fundamental e da 1ª Série do Ensino Médio do Colégio Notre Dame desenvolveram, em 20 horas, soluções com os temas Mobilidade Urbana e Sustentabilidade durante o Hackathon School.

A atividade, promovida pela Escola de Negócios da IMED na última sexta-feira (06) e sábado (07), foi desenvolvida por meio da metodologia Zero to Hero, utilizada por empreendedores do mundo todo para idealizar e desenvolver startups.

No evento, segundo o coordenador dos cursos de Administração e Ciências Contábeis da IMED, professor Guilherme Moraes Vargas, os alunos passaram pelas etapas de idealização, validação do problema e da solução, construção do Mínimo Produto Viável (MVP) e, finalmente, a apresentação das soluções no formato de pitch à uma banca avaliadora.

Durante as 20 horas de imersão, os estudantes participaram de oficinas que auxiliaram em cada etapa do evento. Um dos workshops, ministrado pelo aluno do curso de Administração da IMED, Felipe Zaffari, abordou o tema educação financeira, apresentando o projeto Cofrinho Educativo, iniciativa do estudante. Os alunos também participaram de workshops sobre problematização, solução, prototipagem, MVP e pitch.

“O Hackathon School veio agregar valor ao Colégio Notre Dame, que sempre coloca em prática o empreendedorismo e a inovação em suas ações educativas. A união com a IMED, uma instituição de ensino que tem o empreendedorismo e a inovação na veia, foi o casamento perfeito”, destacou o professor Guilherme.

O Coordenador Pedagógico do 6º ao 9º Ano do Colégio Notre Dame, Márcio Luís Marangon, também destacou a importância de oportunizar aos alunos esse tipo de experiência, que promove crescimento, autoconhecimento, expansão, integralidade e aperfeiçoamento. “Este é o objetivo do ensino do Colégio Notre Dame e é muito bom ver nossos alunos felizes, crescendo e compreendendo que o objetivo principal da Escola não é só a formação, mas também a auto formação, a autoconsciência, a autotransformação e a potencialização do indivíduo integral, que tem o potencial de transformar a sociedade ali na frente”, enfatiza.

“Foi uma experiência incrível para mim, eu adorei aprender sobre empreendedorismo”, relatou o estudante da 1ª Série do Ensino Médio do Notre Dame, Gustavo Casagrande. Para ele, o mais legal do evento foi aprender a transformar uma ideia que estava no papel para a vida real.

Assim como Gustavo, outros 27 alunos do Colégio Notre Dame, divididos em sete grupos, participaram do Hackathon. As soluções desenvolvidas nas 20 horas de imersão foram apresentadas para uma banca avaliadora, formada pelos professores da IMED, Dr. Eduardo Rech, do curso de Administração, Me. Maurício Kunz, do curso de Arquitetura e Urbanismo, e Me. Everton de Mattos, do curso de Ciências da Computação. Entre os critérios avaliados estiveram a inovação e a viabilidade da ideia.

Confira os ganhadores:

1º lugar: VAGA FÁCIL. Solução desenvolvida para facilitar e agilizar o estacionamento, oportunizando um aplicativo que reúne motoristas que procuram vagas e pessoas que disponibilizam estacionamentos privados.

2º lugar: MARKET PLACE. Solução que intermedia a venda de energia excedente do fornecedor para o consumidor final, por meio do ACL – Ambiente de Contratação Livre.

3º lugar: FILHO, TÔ CHEGANDO. Aplicativo que notifica a proximidade dos pais ou responsáveis para o Colégio ou instituição associada, agilizando a saída dos alunos e evitando congestionamentos no trânsito.

 

Galeria de Imagens
comentários sobre esta Notícia