Como Logar?

Comunicação

Notícias

VOLTAR
15/05/2018
Empresários e lideranças apontam prioridades para a região de Passo Fundo

Por: Daniel Santos

() comentários

Na tarde desta quarta-feira (15), a IMED recebeu o encontro regional da Agenda 2020 – organização que se propõe a contribuir com a transformação do Estado do Rio Grande do Sul por meio de informações qualificadas, mobilização de diversos agentes da sociedade gaúcha e da ação conjunta voltada para o bem comum. Depois de conhecer os principais indicadores econômicos e sociais do Estado e Brasil, os participantes apontaram como principal gargalo do desenvolvimento a falta de estrutura do aeroporto Lauro Kurtz, entre outros itens.

O encontro foi no auditório do Centro Executivo Presidente Vargas, onde estiveram autoridades municipais, representantes de instituições de ensino e de empresas, além dos representantes do poder executivo e legislativo dos municípios da região. “A importância da IMED em receber esse evento é o protagonismo em que a instituição se coloca no estado em relação aos problemas que estamos vivendo e o que podemos fazer em relação ao futuro para melhorar nossas condições de desenvolvimento socioeconômico”, declara o diretor geral da IMED e coordenador do grupo temático da Educação na Agenda 2020  para o Rio Grande do Sul, professor Eduardo Capellari. Durante a abertura do evento, o prefeito de Passo Fundo, Luciano Azevedo comentou sobre a importância destes movimentos para o desenvolvimento comunitário “Queremos uma sociedade que tenha iniciativa e ousadia com capacidade de arriscar e empreender”, comenta.

A economista voluntária da Agenda 2020, Patrícia Palermo, demonstrou as razões do desequilíbrio orçamentário estadual. “É um desequilíbrio estrutural que se arrasta desde a década de 1970 até os dias de hoje. Até 2017 foram apenas sete anos com equilíbrio orçamentário e resultados positivos. Hoje nosso déficit é desenhado por um grande gráfico previdenciário”, explica a economista.

De acordo com Patrícia para evitar que esse gráfico continue crescendo é importante que a população apoie uma reforma da previdência em âmbito nacional. “Para segurar a taxa do crescimento do déficit previdenciário ao longo do tempo é necessário que seja estabelecida uma idade mínima e além disso, a evolução da folha de pagamento do estado. Não podemos continuar dando aumento se não temos crescimento em termos de receita para cobrir esses aumentos”, salienta.

Também participou do encontro o Gestor de Dados Estatísticos da Agenda 2020, Leonardo Spindler que apresentou a Sinaleira Regional - apontando os principais indicadores de saúde, educação, renda, segurança, emprego, saneamento, entre outros de Passo Fundo e municípios da região. O Presidente do Conselho Superior da Agenda 2020, Humberto César Busnello falou sobre a importância de uma instituição de ensino superior estar conjugada ao movimento junto com o poder público. “A nossa responsabilidade é refletir sobre o futuro mobilizando a sociedade e suas lideranças e transformar a realidade por intermédio das diversas ações”, salienta.

Após a reunião, os grupos temáticos consideraram os seguintes itens como prioridade para a região: Inovação, Meio Ambiente, Saúde, Segurança, Desenvolvimento de Mercado, Gestão Pública, Educação, Agronegócio, Cidadania e Infraestrutura, sendo que Aeroporto Lauro Kurtz apareceu como um grande gargalo regional.

Os dados compilados neste encontro serão transcritos e integrarão o documento oficial da Agenda 2020, que será entregue aos candidatos ao Governo do Estado do RS que ficarem para o segundo turno da eleição.

Galeria de Imagens
comentários sobre esta Notícia